domingo, 2 de março de 2008

Bethânia e Diva do Buena Vista Social Club juntas

Mais vale tarde, que nunca... Maria Bethânia e Omara em novo CD/DVD

Como tradicionalmente dizem, mais vale tarde, que nunca. E como prova desse antigo ditado universal, vem o anúncio recente do próximo lançamento do disco da brasileira Maria Bethânia e a cubana Omara Portuondo. Uma é a Abelha Rainha, a outra a Diva do Buena Vista Social Club. As duas, grandes intérpretes das mais ricas musicas populares do universo.

O álbum chamado laconicamente “Omara Portuondo e Maria Bethânia”, contém 11 faixas em sua versão CD e apenas 9 na versão DVD. O conteúdo está composto por clássicos cubanos e brasileiros, interpretados por ambas as cantoras tanto em espanhol, quanto em português.

No repertório desde Dolores Duran até o cubano Juan Formell de Los Van Van, passando por Gonzaguinha e outros muitos compositores da era pré-bossa nova, bem ao estilo convencional de ambas as figuras.

Pela parte cubana “Poema LXIV”, versão musicada da obra da sem-par poetisa Dulce María Loynaz, o clássico “Mil Congojas” de Juan Pablo Miranda, “Lacho” de Facundo Rivero, “Para cantarle a mi amor”, de Orlando de la Rosa, “El amor de mi bohío” de Julio Brito, “Tal vez” de Juan Formell e “Nana para un suspiro” do inspirado Pedro Luis Ferrer.

As “Palabras” de Marta Valdés se casam à perfeição com as “Palavras” (com ‘v’) de Gonzaguinha, que vêm acompanhadas, pela parte brasileira por “Menino Grande” de Antonio Maria, “Você” de Hekel Tavares e Nair Mesquita, “Arrependimento” de Fernando César e Dolores Duran, “Só Vendo que Beleza” de Rubens Campos e Henricão e “Caipira de Fato” de Adauto Santos.

O CD e DVD, será lançado no Brasil no próximo 28 de fevereiro pela gravadora Biscoito Fino e para promover o álbum, as cantoras farão uma série de apresentações pelo país sul-americano, a começar no dia 07 de março, pelo Canecão, no Rio de Janeiro.

Daí, seguem para São Paulo, onde se apresentarão nos dias 28 e 29 de março, Belo Horizonte, 4 e 5 de abril, Maceió, 9 de abril, Olinda, 12 e 13 de abril, Brasília, 17e 18 de abril, Aracajú, 23 de abril, Salvador, 25 e 26 de abril, Teresina, 1º de maio, Curitiba, 8 de maio. A turnê será encerrado em Porto Alegre no dia 10 de maio. Ainda não se têm notícias sobre possíveis apresentações em Cuba.

Segundo informa o blog de Mauro Ferreira este ‘saboroso cardápio’ de peças musicais, que contou com a produção de Jaime e do violonista Swami Jr. foi selecionado graças à pesquisa feita sob encomenda pelos musicólogos Mozá Menezes e Rodrigo Faour.

Nos depoimentos gravados no making da obra a Bethânia expressa: “Quando Omara esteve no Rio, fomos almoçar juntas e ela pensou em fazer um disco comigo... E aquilo ficou em nossas cabeças”. E mais adiante acrescentou “Omara é uma das maiores cantoras que conheci, que conheço... Ela tem uma musicalidade, uma inteligência, uma compreensão musical que não é muito comum...”.

“A voz de Maria Bethânia tem uma cor, uma densidade... Ela preenche... É uma coisa maravilhosa. Ela tem uma segurança, uma sutileza... Esse encontro é muito interessante”, disse por sua vez a superlativa Omara que antes de se tornar mundialmente conhecida pela participação no projeto conjunto Buena Vista Social Club já tinha um sólido nome da cena musical cubana, particularmente por fazer parte do mítico quarteto Las D’Aida e por interpretar grandes sucessos na década de 70 e 80, particularmente “Veinte años” de Maria Teresa Vera, peça imortalizada em sua voz.


Fonte: Agência Cubana de Notícias


Omara Portuondo e Maria Bethânia

2 comentários:

milu disse...

fico só imaginando o show das duas como não vai ser!!!já estou babando antes da hora. E contando os dias pra elas chegarem em minha cidade! Parabéns pelo belo post.
Abraços
Milu

Yerko Herrera disse...

Milu, deve ser um baita show! Espero que elas façam muitissimas apresentações pelo Brasil!

Obrigado pela visita e pela participação!

Abração!
Yerko Herrera.